David Rey

Guernica de Picasso, uma obra-prima da arte contemporânea e da arte politicamente comprometida

“Que crê você o que é um artista? Um imbecil que só tem olhos se é pintor, ouvidos se é músico, uma lira que ocupa todo o seu coração se é poeta, ou mesmo só músculos se é um boxeador? Pelo contrário, é um ser político, constantemente consciente dos acontecimentos …

Leia Mais »

Espanha: a questão nacional e a Catalunha

A questão nacional permanece como uma úlcera sangrenta na história política espanhola e assim permanecerá até que a classe trabalhadora não se proponha abertamente a lutar por sua emancipação como classe, resolvendo os problemas democráticos pendentes pelo caminho, tais como a mencionada questão nacional catalã, basca e galega e a …

Leia Mais »

Eleições na Catalunha: derrotar o regime neofranquista espanhol na rua e nas urnas

Em 21 de dezembro terão lugar eleições sem precedentes na Catalunha. A burguesia espanhola, e o regime que a sustenta, lançaram uma campanha feroz para tratar de impedir uma maioria independentista no Parlament. Além da demonização do independentismo em todos os meios de comunicação, a repressão do Estado com a …

Leia Mais »

Catalunha: O povo grita e briga na rua “Votaremos em 1 de Outubro!”

Nota da redação: O artigo aqui publicado em português foi escrito em 22 de setembro e publicado em espanhol por Lucha de Clases, seção espanhola da Corrente Marxista Internacional (CMI), que está atuando diretamente nos acontecimentos revolucionários da Catalunha. Confira este e outros artigos de nossos camaradas que estamos traduzindo …

Leia Mais »

Esquerda europeia em ebulição

Passaram-se nove anos desde o início da grande recessão de 2008 na Europa. O valor da produção (o PIB) voltou a alcançar o nível anterior à crise, mas o cenário político se transformou completamente. Estas mudanças são produto de um enorme deslocamento social provocado pela crise, do aumento das desigualdades …

Leia Mais »

Argentina: Não à greve geral de 20 de novembro! O movimento sindical e as tarefas da militância antiburocrática

A situação do movimento sindical argentino é bastante penosa. A CGT está dividida em 3 partes (oficialistas, moyanistas e CGT Azul e Branca de Barrionuevo) e a CTA está dividida em duas (Yasky e Micheli). Tudo é consequência das lutas de camarilhas por seus interesses aparelhistas e pelas intromissões  da …

Leia Mais »