Foto: Wilson Dias, Agência Brasil

Recorde de desmatamento na Amazônia: é preciso derrubar o sistema!

Artigo publicado no jornal Foice&Martelo Especial nº 21, de 10 de dezembro de 2020. CONFIRA A EDIÇÃO COMPLETA.

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) divulgou no dia 30 de novembro os dados provisórios do desmatamento na Amazônia entre agosto de 2019 e julho de 2020. Os números mostram um aumento de 9,5% em relação ao período anterior e tornam evidentes mais uma vez as consequências da política destrutiva do governo Bolsonaro em relação ao meio ambiente.

Os dados de agosto de 2018 a julho de 2019 já haviam apresentado um aumento de 34%, grande parte durante o governo Bolsonaro, quando os capitalistas do agronegócio se viram confiantes o suficiente para realizar um “dia do fogo” na Amazônia.

EXCLUSIVO PARA ASSINANTES. CONTINUE LENDO.

Deixe Seu Comentário