Teoria | Ver Mais

As origens do machismo e como combatê-lo: o caminho é o socialismo (parte 2)

Na edição anterior, explicamos os diferentes tipos de família que foram construídos ao longo da história da humanidade. Para que essas mudanças nas famílias ocorressem, entraram em jogo novas forças impulsionadoras da ordem social, como por exemplo, a domesticação de animais, a agricultura e a criação de gado, que abriram …

Leia Mais »

As lições da Espanha: A última advertência (1937)

A experiência trágica da Espanha é uma terrível advertência – talvez a última – antes de eventos ainda maiores, uma advertência dirigida a todos os trabalhadores avançados do mundo. “As revoluções”, disse Marx, “são as locomotivas da história”. Elas se movem mais rápido do que o pensamento de partidos semi-revolucionários …

Leia Mais »

Getúlio Vargas, um Bonaparte brasileiro

A convite dos camaradas da Esquerda Marxista do Rio de Janeiro, que estão organizando o curso online “Socialismo Contra a Barbárie”, participei de um dos encontros no mês de junho para apresentar o informe sobre “Bonapartismo no Brasil: Getúlio Vargas e o ‘bolsonarismo’”. Preparar esse informe foi particularmente muito enriquecedor. …

Leia Mais »

Civilização, barbárie e a visão marxista da história

Este artigo de Alan Woods trata da barbárie e do desenvolvimento da sociedade humana. Nos escritos pós-modernos, a história aparece essencialmente como uma série inexplicável de acidentes aleatórios e sem sentido. Ela não seria governada por nenhuma lei que possamos compreender. Uma variação deste tema é a ideia, agora muito …

Leia Mais »

As origens do machismo e como combatê-lo: o caminho é o socialismo (parte 1)

Este texto tem o objetivo de reunir, de forma sucinta, as principais questões trazidas por Engels, para pensarmos a luta da mulher pela sua emancipação. Este trabalho reúne o esforço do coletivo da Esquerda Marxista Mulheres pelo Socialismo no Rio de Janeiro, que tem, como uma das suas frentes de …

Leia Mais »

Oliver Cromwell e a Revolução Inglesa

Hoje completam-se 350 anos desde a morte de Oliver Cromwell1, o destacado líder da revolução burguesa inglesa de 1640. Sem ele, com sua firme coragem e determinação, a revolução teria sido traída pela grande burguesia que constantemente buscava conciliar com a coroa. Não é por acaso que Cromwell foi descrito …

Leia Mais »

Bonapartismo e fascismo

O presente texto, escrito por Trotsky, pouco depois da vitória do nazismo na Alemanha, é fundamental para compreender a situação contemporânea vivida no Brasil. Primeiro, porque nele Trotsky demonstra na prática a necessidade de analisar a realidade em sua concretude, evitando utilizar de forma abstrata conceitos retirados de outros contextos …

Leia Mais »

O Partido dos Panteras Negras em Autodefesa e a insurreição antirracista nos EUA hoje (parte 2)

A cooptação do movimento: políticas compensatórias, ações afirmativas e as teorias identitárias Como se não bastassem as várias contradições, divergências e problemas internos do partido, havia ainda a burguesia e suas inúmeras tentativas de desmoralizar e implodir os Panteras Negras: acusações falsas, implantação de provas forjadas, ataques nas grandes mídias, …

Leia Mais »

O Partido dos Panteras Negras em Autodefesa e a insurreição antirracista nos EUA hoje (parte 1)

“Tal como numa guerra, as pessoas não fazem uma revolução de boa vontade. A diferença está, todavia, em que numa guerra o papel decisivo é o da obrigação; numa revolução, não há obrigação, a não ser a das circunstâncias. A revolução produz-se quando não há outra solução” (A arte da …

Leia Mais »

A Guerra de Secessão dos Estados Unidos (1861-1865)

A noção atual de guerra, que envolve, como diria o marechal alemão Erich von Falkenhayn, a participação ativa de toda a população, surgiu pela primeira vez na guerra civil americana. Em ambos os lados, o conjunto da população e da economia foram mobilizados e colocados a disposição dos respectivos comandos …

Leia Mais »