Arquivos de Tags: Quarta Internacional

#38 – Nicarágua 79: A Revolução Sandinista, a FSLN e a face reacionária do mandelismo

Em julho de 1979 a Frente Sandinista de Libertação Nacional toma o poder na Nicarágua, encerrando mais de 40 anos de ditadura da Família Somoza, patrocinada pelos EUA. Foi um processo bastante amplo e radical com o emprego da luta armada e mobilização de todos os setores da sociedade, especialmente da classe trabalhadora. Entretanto, a aparente radicalidade do movimento se traduzia em um programa e em uma prática de colaboração de classes, que não apenas custou um alto preço aos trabalhadores como também aos militantes que propunham a verdadeira derrubada do capitalismo no país. Como surge a Frente Sandinista de Libertação Nacional? Quais projetos estavam em jogo naquele movimento? Como se posicionaram as correntes trotskistas diante desta revolução? Afinal, qual o saldo deste movimento e quais lições a classe trabalhadora no Brasil de hoje pode aprender com ele?

Leia Mais »

O que é o Programa de Transição?

O Programa de Transição é o principal documento de fundação da 4ª Internacional. É a base programática dessa nova organização, adotada em uma reunião entre revolucionários ocorrida num subúrbio de Paris no dia 3 de setembro de 1938. Escrito por Leon Trotsky, o documento analisa a situação mundial da época …

Leia Mais »

Revista América Socialista resgata história do trotskismo na América Latina

Apresentação Este ano comemoramos os 100 anos da fundação de 3ª Internacional (Internacional Comunista), em março de 1919, em Moscou. Já dedicamos a edição anterior desta revista, a América Socialista 14, à esta comemoração. Na edição que agora apresentamos esta comemoração continua com um artigo de Ted Grant sobre o …

Leia Mais »

A carta suprimida de Trotsky: uma breve introdução de Alan Woods

É um fato reconhecido que o acidente pode desempenhar um papel considerável tanto na história quanto nas vidas dos indivíduos. No transcorrer de minha vida observei muitos acidentes e coincidências extraordinárias. Mas nunca experimentei uma concatenação única e imprevisível de circunstâncias como a que vou relatar aqui. Centra-se no extraordinário …

Leia Mais »

A autoproclamada 4º Internacional, de Pablo e Mandel: Uma virada para o ecletismo filosófico (Parte 1)

Em 1996, a “4º Internacional” aprovou um documento intitulado “Nossa Internacional” . Nesse texto, eles explicam a base teórica da sua organização: “Se citando nossas referências históricas ajuda a esclarecer quem somos, nos identificamos com Karl Marx, Friedrich Engels, Rosa Luxemburgo, VI Lenin e Leon Trotsky. Os muitos outros que …

Leia Mais »

América Socialista recorda 100 anos da Revolução Alemã e 80 anos da 4ª Internacional

Este ano é o centenário da Revolução Alemã de novembro 1918 que terminou com a primeira guerra mundial. Um movimento insurrecional poderoso que começou com um motim de marinheiros na frota de guerra alemã e, em poucos dias, provocou a queda da monarquia e a proclamação da República. A Alemanha …

Leia Mais »

Mantendo a internacional viva: uma história da Quarta Internacional

A luta para acabar com o capitalismo e plantar as sementes do socialismo tem sido sempre uma tarefa internacional. Não foi por sentimentalismo que Marx e Engels proclamaram “Trabalhadores do mundo, uni-vos!”. O capitalismo é um sistema econômico internacional, portanto a luta contra ele precisa ser internacional. Embora para todos …

Leia Mais »

Congresso Mundial da CMI discute as perspectivas internacionais

No dia 24 de julho iniciou o Congresso Mundial da Corrente Marxista Internacional (CMI) com a presença de aproximadamente 370 militantes de mais de 20 países. A discussão foi aberta com o informe do camarada Alan Woods sobre a conjuntura internacional e as tarefas da CMI, destacando a continuidade da …

Leia Mais »