Arquivos de Tags: Milei

Argentina: abaixo a repressão e o governo Milei

A Corrente Socialista Militante (CMI-Argentina) repudia a repressão ocorrida em frente ao Congresso da Nação no momento em que se discutia o pacote antitrabalhador da “Lei Ómnibus”, que entrega os recursos naturais do país nas mãos das multinacionais e pulveriza os salários e a poupança, já golpeada das famílias dos trabalhadores.

Leia Mais »

Argentina: Balanço da greve geral de 24 de janeiro

A classe trabalhadora deve se colocar à frente da luta! Apelamos pela remoção da burocracia de nossos sindicatos! Apelamos pela desconfiança dos deputados no parlamento! Córdoba, Santiago del Estero, Buenos Aires, Rosario, Mendoza etc., em todas e em cada uma das grandes cidades nos mobilizamos em centenas de milhares contra …

Leia Mais »

Agudiza a miséria e a crise social na Argentina – Lançar as bases para um Congresso Operário, para uma Greve Geral e por um governo dos Trabalhadores

Passaram-se apenas alguns dias desde a posse do novíssimo presidente Javier Milei e já começou a despertar preocupação e repúdio em amplos setores das massas – incluindo alguns setores que o elegeram – devido às medidas que seu governo anunciou até o dia de hoje.

Leia Mais »

5ª Escola Marxista Panamericana da CMI: reivindicamos a bandeira do comunismo revolucionário!

De 30 de novembro a 3 de dezembro de 2023, 110 camaradas da Corrente Marxista Internacional (CMI) reuniram-se na Cidade do México. Os países representados foram Brasil, Peru, Venezuela, Colômbia, El Salvador, Bolívia, Argentina, Chile, Cuba, EUA, Canadá e México (com camaradas de Monterrey, Sonora, San Luis Potosí, Oaxaca, Querétaro, Yucatan, Veracruz, Puebla, Estado do México e Cidade do México); bem como representantes da liderança internacional da CMI e convidados da Suíça, Suécia e Itália.

Leia Mais »

Argentina: vitória do candidato de extrema direita, Milei, revela crise do regime burguês

O candidato "libertário" de extrema direita, Javier Milei, venceu o segundo turno das eleições presidenciais na Argentina com quase 56% dos votos, derrotando o candidato peronista Massa (que obteve 44%), ministro das Finanças cessante do país que renovou um acordo com o FMI e prometeu um governo de unidade nacional.

Leia Mais »