Arquivos de Tags: Marx

Por que precisamos de uma internacional comunista

Em junho, a Corrente Marxista Internacional lançará uma nova Internacional Comunista Revolucionária (ICR) para levantar corajosamente a bandeira limpa do comunismo em todos os continentes. Neste artigo, Alan Woods explica a importância histórica deste passo, traçando a ascensão e queda de internacionais anteriores e mostrando a importância do ICR na luta pelo comunismo hoje. Inscreva-se agora para a nossa conferência de fundação!

Leia Mais »

É hora de lançar uma Internacional Comunista Revolucionária!

“Este é um renascimento, uma renascença!” Estas palavras, proferidas por Alan Woods, principal teórico da CMI, resumiram os sentimentos em uma recente reunião do nosso Comitê Executivo Internacional na Itália. Um estrato significativo de trabalhadores e jovens está se dispondo a agarrar a bandeira do comunismo com ambas as mãos – devemos nos voltar de forma decidida para eles a fim de mobilizá-los através da construção de uma Internacional Comunista Revolucionária.

Leia Mais »

Nasce a Organização Comunista Internacionalista

Depois de mais de 175 anos do Manifesto e de mais de 100 anos da Revolução Russa de 1917, a juventude do mundo inteiro, desencantada com o capitalismo, busca um contraponto radical ao sistema que a oprime. Para entendermos tal fato, precisamos aplicar o que diz o Manifesto: a história da humanidade é a história da luta de classes.

Leia Mais »

Shostakovich, a consciência musical da Revolução Russa

Shostakovich nasceu em São Petersburgo, em 25 de setembro de 1906, e morreu em Moscou, no dia nove de agosto de 1975. Sua vida, por conseguinte, abrangeu a Revolução de Outubro, a guerra civil e as duas guerras mundiais, bem como os horrores do stalinismo, que mudou todo o curso de sua vida, assim como mudou o destino do país de Outubro, pisoteando as esperanças e os sonhos despertados pela Revolução Bolchevique. Tais eventos titânicos evocaram a música em escala equivalente e encontraram eco harmônico nas poderosas sinfonias de Shostakovich.

Leia Mais »

Os comunistas e a imprensa operária

A história do movimento operário é farta de exemplos de jornais revolucionários. A preocupação de dialogar com a classe trabalhadora por meio da imprensa obrigatoriamente nos leva aos tempos de Karl Marx e Friedrich Engels. Em maio de 1842, Marx escreveu seu primeiro artigo para a Rheinische Zeitung (Gazeta Renana) criticando a censura do governo prussiano e, em outubro, tornou-se redator-chefe do jornal. No mês seguinte, Marx conhece Engels, que visitava Colônia e, ao retornar à Inglaterra, Engels envia uma série de artigos narrando a situação da classe trabalhadora para serem publicados na Gazeta Renana. Posteriormente, esses artigos juntos se tonariam a obra que conhecemos como “A Situação da Classe Trabalhadora na Inglaterra”.

Leia Mais »

Uma síntese da humanidade: Engels e “A Origem da Família, da Propriedade Privada e do Estado”

Friedrich Engels fora conhecido nas fileiras do movimento operário como “O professor do proletariado” por suas contribuições substanciais para o materialismo histórico-dialético. Elas permitiram e continuarão possibilitando o desvelamento da realidade ocultada pela ideologia das classes dominantes, como faz o livro “A Origem da Família, da Propriedade Privada e do Estado”, responsável por apresentar sempre às novas gerações como se desenvolveu pilares da humanidade e as opressões geradas pelas mesmas. Assim, este artigo tem o intuito de introduzir a obra “A Origem da Família, da Propriedade Privada e do Estado”, escrita por Friedrich Engels em 1884.

Leia Mais »

A “revolução mundial”: uma utopia?

Para atacar o trotskismo, reformistas e stalinistas (ou ex-stalinistas) frequentemente recorrem ao seguinte argumento: “uma revolução mundial é uma perspectiva utópica pouco realista, porque uma revolução não pode eclodir em todos os países ao mesmo tempo!”.

Leia Mais »

Leituras Marxistas: Manifesto Comunista

Para ler o Manifesto do Partido Comunista, clique aqui. Chave pix para contribuir com o canal Visão Marxista: caiodezorzi@gmail.com Para contribuir mensalmente: https://apoia.se/v-marxista Chave pix para contribuir com a Esquerda Marxista: pix@marxismo.org.br Roteiro: Pedro Bernardes Edição: Régis Chicon Inscreva-se no canal Visão Marxista.

Leia Mais »

Lissagaray: um relato vivo da Comuna de Paris

“A História da Comuna de 1871” de Prosper-Olivier Lissagaray, traz um relato vivo dos mais de dois meses da Comuna de Paris, a primeira experiência da história de um governo operário legítimo. Em seu formato final, a narrativa procura dar um panorama preciso desses acontecimentos de forma inédita, ou seja, segundo a ótica dos oprimidos, combatendo as distorções e o escamoteamento dos fatos, organizados pela historiografia oficial. A obra forneceu rico material de estudo, inspirou e foi lida avidamente por toda a geração de revolucionários do final do século 19, alguns dos quais viriam a ser os grandes dirigentes das revoluções proletárias do início do século 20.

Leia Mais »