Arquivos de Tags: Guerra

“Rafah está queimando”: civis massacrados pelos bombardeios das FDI ao campo de refugiados

Milhões de pessoas em todo o mundo ficaram horrorizadas na segunda-feira (27/05), depois que um ataque aéreo das FDI destruiu um acampamento para civis deslocados em Rafah, matando pelo menos 45 pessoas. As redes sociais estão repletas de imagens de homens, mulheres e crianças carbonizados e desmembrados, assassinados enquanto dormiam. Lênin escreveu certa vez que o capitalismo é um horror sem fim: em Gaza, essas palavras estão sendo pronunciadas nas linguagens do fogo e do sangue para todo o mundo ver.

Leia Mais »

Como os militantes da CMI intervêm no movimento de solidariedade com a Palestina

Publicamos aqui trechos da nota do Secretariado Internacional da CMI, de 8 de maio, que analisa o desenvolvimento do movimento de solidariedade à Palestina em diferentes países e orienta a intervenção dos militantes comunistas nestes protestos. Mesmo com diferentes graus de mobilização em cada país – no Brasil, por exemplo, até o momento não ocorreram manifestações de massas pró-Palestina –, o relato do movimento e da intervenção dos camaradas nos EUA, Canadá, Grã-Bretanha, Espanha etc., demonstra a radicalidade presente na base, em particular da juventude, em todo o mundo. A nota traz ainda lições importantes para a intervenção prática dos revolucionários comunistas em um movimento de massas deste tipo, construindo as forças do marxismo.

Leia Mais »

Detenham o ataque a Rafah! Lutem contra o imperialismo no front interno!

O ataque a Rafah, há muito planejado, começou. Na segunda-feira, 6 de maio, as Forças de Defesa de Israel (FDI) lançaram ataques aéreos contra a cidade e emitiram alertas de evacuação de cerca de 100 mil palestinos dos seus bairros a leste para as chamadas “zonas humanitárias” de al-Mawasi, em direção à costa, e a uma área a oeste de Khan Younis.

Leia Mais »

Multinacionais lucram com o massacre de palestinos

Uma nova Nakba não é apenas um sonho da extrema direita israelense, seria também uma oportunidade lucrativa para o “livre mercado”. Várias empresas ocidentais estão especulando nos territórios palestinos ocupados, e os bancos promoveram tal fato com mais de US$ 300 bilhões em investimentos e ações já vinculadas aos territórios.

Leia Mais »

Ataques do Irã: a aposta perigosa de Netanyahu

No sábado (13), o Irã anunciou que tinha lançado um ataque a Israel com mais de 300 drones e mísseis. Nessa tarde, Joe Biden deixou o conforto de sua casa de praia em Delaware e correu de volta para a Casa Branca em meio a uma situação de crise iminente. Na mesma noite, o presidente reuniu-se na Sala de Avaliação de Crises da Casa Branca com membros da equipe de Segurança Nacional sobre o desenrolar dos ataques.

Leia Mais »

Por que Israel retardou o seu ataque a Rafah?

O prazo de 10 de Março para o ataque a Rafah já passou e o ataque ainda não aconteceu. Será que Netanyahu está tendo dúvidas? A resposta para isso é claramente não. O governo israelense está manobrando sob pressão externa, em particular da administração dos EUA, ao mesmo tempo em que se encontra internamente dividido. A pressão dos EUA se deve a preocupações humanitárias por parte de Biden? A resposta, novamente, é não. Os EUA continuam a apoiar Israel no seu ataque genocida ao povo palestino, como testemunha o aumento da sua ajuda militar. Então, por que a demora no ataque?

Leia Mais »

O estrangulamento econômico do povo palestino

Embora todos os principais líderes das potências imperialistas, de Biden a Scholz e Macron, entre muitos outros, tenham derramado lágrimas de crocodilo sobre o “excessivo número de mortes civis” em Gaza, na prática, todos eles estão colaborando com o governo israelense.

Leia Mais »

A ofensiva contra Rafah: a faísca que poderia incendiar o Oriente Médio

Netanyahu está levando sua guerra a um outro nível. Ele está em uma posição na qual sabe que não pode recuar se quiser permanecer no cargo. E, no entanto, as suas ações ameaçam desestabilizar todo o Oriente Médio, com o risco real de generalizar a guerra. A revolução também está espreitando todos os regimes da região à medida que a ira das massas é levada a níveis cada vez maiores. O próximo ato trágico, o bombardeamento massivo e a invasão terrestre de Rafah, poderá revelar-se o ponto de virada.

Leia Mais »

Lula percebe o sentimento das massas e condena o massacre sionista em Gaza

A burguesia está em polvorosa. Lula foi declarado persona non grata por Netanyahu após afirmar que o genocídio palestino promovido por Israel é sem precedentes na história, com exceção, de acordo com Lula, do momento em que “Hitler resolveu matar os judeus”. A crise instaurada no Itamaraty é acompanhada de perto pela grande imprensa, porta-voz da classe dominante, que defende descaradamente o Estado sionista de Israel, mente e distorce as informações sobre esse massacre a todo o momento. Mas, o que motivou essa declaração de Lula?

Leia Mais »

Lênin e o leninismo: em defesa de suas lições

O marxismo é uma ciência. Dialética, em movimento. Essa ferramenta de compreensão totalizante da vida é desenvolvida historicamente por revolucionários que se prestaram, não somente a interpretar o mundo de diferentes maneiras, mas a transformá-lo. A ciência proletária não serve para construir mitos e ícones inofensivos. Ao contrário das adulterações feitas pela camarilha de Stalin, Vladimir Ilyich Ulyanov, o Lênin, não foi um quadro na parede, mas um dos arquitetos mais brilhantes do materialismo histórico-dialético, capaz de demonstrar a possibilidade da produção de um novo mundo, baseado no comunismo internacional.

Leia Mais »