Arquivos de Tags: eleições

Saudação à declaração dos comunistas venezuelanos sobre as eleições na Venezuela

O Comitê Central (CC) da Organização Comunista Internacionalista (OCI) saúda a resolução da seção venezuelana da Corrente Marxista Internacional (CMI), Lucha de Clases, sobre a atual situação política e as eleições presidenciais na Venezuela defendendo que “os trabalhadores [venezuelanos] não têm, hoje, uma alternativa eleitoral capaz de expressar genuinamente suas aspirações”.

Leia Mais »

Resolução da seção venezuelana da CMI sobre o contexto político e a situação eleitoral

Confira a resolução de Luta de Classes – CMI Venezuela sobre o contexto político e a situação eleitoral, aprovada pelo Comitê Central da referida organização. Essa resolução é uma contribuição para o debate sobre qual posição os revolucionários conscientes devem defender nas próximas eleições presidenciais venezuelanas e qual o tipo de organização a classe trabalhadora precisa para colocar novamente de pé as forças do povo trabalhador da Venezuela.

Leia Mais »

Eleições portuguesas: por que a extrema direita avançou?

As eleições antecipadas de 10 de março em Portugal foram um terremoto político. Os partidos de esquerda e de centro-esquerda que dominaram a política do país durante quase dez anos sofreram uma derrota dolorosa. A conservadora Aliança Democrática (AD) venceu as eleições, embora por uma margem muito estreita. O verdadeiro vencedor foi o partido de extrema-direita Chega, que mais do que duplicou a sua quantidade de votos.

Leia Mais »

Aaron Bushnell: um ato que expressa a ira e a frustração de milhões

Aaron Bushnell, membro do ativo da Força Aérea dos Estados Unidos, ateou fogo a si mesmo, no dia 26 de fevereiro, em frente à embaixada israelense em Washington, protestando contra a cumplicidade do imperialismo norte-americano com a guerra em Gaza. A notícia deste corajoso ato de autossacrifício cometido solitariamente por um homem ecoou poderosamente nos corações de centenas de milhares de pessoas.

Leia Mais »

Começa a corrida eleitoral no Uruguai – O papel da Frente Ampla e a necessidade de uma alternativa comunista

Embora ainda faltem aproximadamente três trimestres para as eleições gerais de outubro, desde o início de 2024 a cena política do país esteve marcada pela disputa entre as duas principais coalizões políticas, que aspiram ganhar a presidência e controlar o parlamento.

Leia Mais »

Eleições 2024 nos EUA: por que o sistema de Biden e Trump precisa acabar

Os comunistas não têm ilusões de que mudanças sociais sérias possam resultar da farsa das eleições burguesas. Os marxistas compreendem que, no máximo, “aos oprimidos é permitido, uma vez a cada poucos anos, decidir quais representantes específicos da classe opressora os representarão e os reprimirão”, como Lênin expressou em O Estado e a Revolução.

Leia Mais »

Argentina: vitória do candidato de extrema direita, Milei, revela crise do regime burguês

O candidato "libertário" de extrema direita, Javier Milei, venceu o segundo turno das eleições presidenciais na Argentina com quase 56% dos votos, derrotando o candidato peronista Massa (que obteve 44%), ministro das Finanças cessante do país que renovou um acordo com o FMI e prometeu um governo de unidade nacional.

Leia Mais »

Balanço das eleições na Argentina: derrotar a direita nas ruas com mobilização e organização

Os resultados eleitorais de 22 de outubro, na Argentina, colocaram novamente Unión por la Patria (UxP) na corrida presidencial, dentro de um processo eleitoral marcado pela crise capitalista, pelo desgaste dos partidos majoritários do regime burguês, pela acumulação do mal-estar entre a classe trabalhadora – que ainda não se expressa nas ruas com suas demandas e bandeiras próprias – e pela crise histórica de deireção do proletariado.

Leia Mais »

Javier Milei: o falso e oportunista profeta do grande capital

O resultado de Javier Milei nas Primárias Abertas Simultâneas e Obrigatórias (Paso) de 13 de agosto de 2023, obtendo 29,86% dos votos, surpreendeu o conjunto do establishment parlamentar político da Argentina. Mesmo que nas eleições provinciais os candidatos apoiados por Milei somente obtiveram resultados parcos e modestos, alcançando os terceiros ou quartos lugares, o candidato a presidente superou todos os demais presidenciáveis, tanto do peronismo como da direita.

Leia Mais »