Download WordPress Themes, Happy Birthday Wishes

Repúdio à invasão da embaixada venezuelana no Brasil! Derrotar os golpistas! Fora Bolsonaro!

Na madrugada desta quarta-feira (13/11), a embaixada da Venezuela em Brasília foi invadida por cerca de 20 mercenários a serviço do “autoproclamado” presidente da Venezuela, o golpista Juan Guaidó e de seus apoiadores no Brasil, a começar pelo clã Bolsonaro.

Em janeiro, o recém-eleito presidente Jair Bolsonaro prontamente reconheceu Guaidó como presidente da Venezuela, obedecendo a orientação de Donald Trump como um cão adestrado faz com seu dono. O governo brasileiro está apoiando o golpe em curso na Bolívia e votou, recentemente, pela manutenção do embargo a Cuba, junto com EUA e Israel. Bolsonaro é um capacho do imperialismo americano. Varrê-lo do poder é a melhor ação de solidariedade à luta da classe trabalhadora latino-americana contra as ingerências imperialistas.

Um dos filhos do presidente, o deputado Eduardo Bolsonaro, o mesmo que defendeu a volta do AI-5 no Brasil caso ocorra aqui o que se passa no Chile, escreveu no Twitter em apoio à invasão da embaixada: “Nunca entendia essa situação. Se o Brasil reconhece Guaidó como presidente da Venezuela por que a embaixadora Maria Teresa Belandria, indicada por ele, não estava fisicamente na embaixada? Ao que parece agora está sendo feito o certo, o justo.”

A embaixada venezuelana em Brasília está abrigando diplomatas bolivianos que, diante do golpe na Bolívia, estão em situação delicada. A burguesia na América Latina e no mundo está agindo desesperadamente frente à onda revolucionária que atinge um país após o outro. A resposta deles diante da revolta popular é endurecer a repressão e os golpes. Isto é o que está por trás do que se passa na Bolívia e desta nova iniciativa dos golpistas venezuelanos, agora na embaixada no Brasil. Mas os povos resistem e vale lembrar que na Venezuela as seguidas tentativas de golpe desde o início do governo Chávez foram derrotadas pela ação revolucionária das massas.

A Esquerda Marxista e a campanha “Tirem as Mãos da Venezuela” repudiam esta invasão da embaixada venezuelana por agentes a serviço do golpista Juan Guaidó, com apoio do governo brasileiro. Convocamos a solidariedade para derrotar esta ação dos golpistas, expulsando-os definitivamente da embaixada venezuelana em Brasília.

• Abaixo o golpe na Bolívia e na Venezuela!
• Fora imperialismo da América Latina!
• Fora Bolsonaro!
• Viva a luta internacional da classe trabalhadora!

Esquerda Marxista, seção brasileira da Corrente Marxista Internacional

Comitê Brasileiro da Campanha Internacional “Tirem as Mãos da Venezuela”

Deixe Seu Comentário
x

Confira Também

Irã: o movimento foi reprimido, mas a luta está apenas começando

Duas semanas se passaram desde a erupção dos protestos em todo o Irã, depois que ...