José de San Martín ao anunciar a independência do Peru Foto: Domínio Público

Peru: da independência à consolidação nacional (1821-1895)

Artigo publicado no jornal Foice&Martelo Especial nº 13, de 20 de agosto de 2020. CONFIRA A EDIÇÃO COMPLETA.

LEIA A PARTE 1

Nesta edição, damos continuidade à série de artigos que trata da formação da sociedade peruana contemporânea e sobretudo, o que levou o movimento operário do país andino à situação em que se encontra. Esse é um estudo da maior importância para qualquer militante que procura entender as perspectivas da luta de classes na América do Sul, dada a importância histórica e cultural que tem o Peru em nosso continente.

No artigo anterior, discutimos as principais características das civilizações que ocuparam o território antes da chegada dos espanhóis, sua destruição nas mãos dos conquistadores comandados por Francisco Pizarro, a estrutura colonial erguida pelos colonizadores e a forma que se deu a independência do país. Agora, abordaremos a formação do Peru como país independente, os conflitos nos quais o país se envolveu e a forma como as estruturas coloniais influenciaram o país, que surgiu após a expulsão dos espanhóis.

EXCLUSIVO PARA ASSINANTES. CONTINUE LENDO.

Deixe Seu Comentário