O assassinato de Leon Trotsky

Marx e Engels realizaram um estudo exaustivo e magistral da sociedade capitalista que Lênin desenvolveu em sua análise da fase imperialista do capitalismo. Trotsky também, seguindo o método marxista, fez uma análise magistral do período de transição após a derrubada do capitalismo. Ele explica como o stalinismo surgiu como uma contrarrevolução política, na forma do bonapartismo burocrático na União Soviética. Suas análises e definições em A Revolução Traída – obra escrita há mais de 60 anos – são extremamente rigorosas e totalmente válidas hoje. Aqui temos a descrição de uma sociedade em transição – nem capitalismo nem socialismo – sob o domínio de uma casta de usurpadores burocráticos.

Leia Mais »

As cotas nas universidades e cemitérios – A Polícia Militar e os governos petistas

No Rio, apesar da determinação do Supremo Tribunal Federal (STF) de que todas as “operações” nas favelas e bairros operários fossem “justificadas” e acompanhadas pela Procuradoria, elas continuam a acontecer normalmente, com a sua cota de mortes habitual. Em São Paulo, sob a justificativa de morte de um policial, um massacre foi perpetrado em bairros pobres do Guarujá.  As imagens das câmeras dos uniformes dos policiais desapareceram, ainda que todos usassem câmeras que gravam por todo o tempo.

Leia Mais »

Congresso Mundial CMI 2023: os comunistas chegaram!

O Congresso de 2023 da Corrente Marxista Internacional (CMI) marcou uma grande virada na história de nossa organização, em meio a uma mudança radical na sociedade. Tendo quase dobrado nossas forças desde a pandemia, o Congresso estava cheio de espírito jovem de luta e determinação. Mais de 400 camaradas reunidos de mais de 40 países arrecadaram 630 mil euros para a causa revolucionária e declararam triunfalmente: os comunistas chegaram!

Leia Mais »

Nota de solidariedade a Christopher Rocha

O presidente do núcleo amazonense da União da Juventude Socialista (UJS), Christopher Rocha, foi preso pela Polícia Federal dentro do campus da Universidade Federal do Amazonas (UFAM) na tarde desta quinta-feira (10). Christopher estava protestando contra a palestra do representante de uma entidade sionista, convidado para participar de um simpósio organizado pela UFAM. Outras duas mulheres que participavam da manifestação foram agredidas pelos policiais.

Leia Mais »

Editorial