Operários Vidreiros do Brasil saúdam expropriação de empresa vidreira na Venezuela


Em seu giro pelo Brasil, o militante venezuelano, Coordenador da Frente Bicentenária de Empresas Ocupadas Pelos Trabalhadores da Venezuela, em visita à uma assembléia de operários de fábricas de vidros na região de Ferraz de Vasconcelos, cidade da região metropolitana de São Paulo, recebeu uma moção aprovada pela assembléia em sua presença, em apoio às nacionalizações (estatizações) de empresas, efetuadas pelo presidente Chávez na Venezuela.

“Ao Governo da República Bolivariana da Venezuela
Ao Presidente Hugo Chavez
Excelentissimo Presidente,

Vimos através desta externar todo apoio às nacionalizações efetuadas por seu governo.
Saudamos estas iniciativas que têm o objetivo de se apropriar da riqueza produzida pelos operários para beneficiar todo o povo trabalhador venezuelano.
Saudamos em especial a nacionalização da empresa Owens Illinois, indústria de vidro que também tem fábricas em nosso país (CISPER).
Aqui, esta multinacional explora e oprime os operários. Inclusive há dois meses um operário morreu junto à máquina, na planta localizada na cidade de São Paulo.
Onde deveriam estar 3 operários trabalhando, só havia 1 para realizar o mesmo trabalho.

Parabéns Presidente Chávez.

Receba nossa solidariedade de luta e de apoio à Revolução Venezuelana!

Aprovado por aclamação na assembléia de trabalhadores na indústria do vidro do Estado de São Paulo.

Ferraz de Vasconcelos, 20 de novembro de 2010.”

Deixe Seu Comentário