Mulheres pelo Socialismo realiza panfletagem em Piracicaba

Você já foi assediada ou sofreu algum tipo de abuso no seu local de trabalho?“, essa era a pergunta que foi feita as mulheres que paravam para conversar na planfetagem do último dia 31 de outubro, onde militantes da região de Campinas se reuniram no centro da cidade de Piracicaba para conversar com as trabalhadoras sobre a violência contra mulher e o sistema capitalista, com o caso de Mariana Ferrer (jovem estuprada no ambiente de trabalho e que teve seu agressor inocentado pela justiça) como denúncia.

No meio de campanhas eleitorais, foi compartilhada também a mensagem do fora Bolsonaro, como intenção de desenvolver um bom debate com aqueles interessados. Um ato pequeno e simbólico mas com a motivação de mostrar que Mariana não foi esquecida e que, para plena emancipação da mulher, precisamos lutar contra o sistema capitalista que oprime e segrega.

 

Deixe Seu Comentário