Download WordPress Themes, Happy Birthday Wishes

Foice & Martelo (Exclusivo Assinantes) | Ver Mais

O bonapartismo capenga de Bolsonaro

No dia 28 de maio a grande imprensa noticiava um pacto entre os três poderes. Segundo o jornal El Pais, seria “uma espécie de armistício. O principal articulador por esse acordo foi o presidente do STF, o ministro Dias Toffoli, que desde o fim do ano passado vem discursando e ...

Leia Mais »

Nova relatoria da previdência e a trégua das direções

Um dia antes da Greve Geral de 14/06, o relator da reforma da previdência Samuel Moreira (PSDB-SP) apresentou um parecer que trazia diversas mudanças na reforma da previdência apresentada pelo governo Bolsonaro. Entre as propostas de Paulo Guedes na reforma da previdência, as que entraram em pauta na nova relatoria ...

Leia Mais »

Por que as direções sabotaram a greve geral?

O dia 14 de junho poderia expressar de uma forma ainda não vista toda a indignação ao governo Bolsonaro e seus ataques. Mas, apesar das direções, a enorme insatisfação que se acumula sob a superfície da sociedade não impediu que a “greve geral” pudesse ser um dia de luta com ...

Leia Mais »

Foice&Martelo 135

Leia online: Público: A “esquerda” que se nega a dizer Fora Bolsonaro (Parte 1- Insurgência) Editorial: Preparar a greve geral: é preciso dizer “Fora Bolsonaro” Mourão e os filhos de Bolsonaro Público: Malucos, cachaceiros e outros apelidos mais Os patrões, os governos e o salário mínimo Congresso Nacional: a “casa ...

Leia Mais »

Mourão e os filhos de Bolsonaro

Começou o incêndio no circo. Os filhos de Bolsonaro, atiçados pelo guru Olavo de Carvalho, passaram a desferir uma série de ataques ao vice-presidente da República Hamilton Mourão. A imprensa trata o perrengue como uma disputa entre o setor olavista e o setor militar do governo de Jair Bolsonaro. Antes ...

Leia Mais »

Malucos, cachaceiros e outros apelidos mais

Lula, em entrevista à Folha de São Paulo, declarou que o “Brasil é governado por um bando de maluco”. Bolsonaro, respondendo, declara que “pelo menos não é um bando de cachaceiro”. E, se olharmos um pouco com atenção, os dois governos (Lula e Bolsonaro) parecem se assemelhar muito à descrição ...

Leia Mais »

Os patrões, os governos e o salário mínimo

Para manter seus modos de produção funcionando, uma das prioridades das classes dominantes ao longo da história sempre foi manter as classes sociais exploradas vivas e em condições de trabalhar. Na primeira metade do século 14, a Inglaterra, assim como o resto da Europa medieval, foi assolada pela Peste Negra, ...

Leia Mais »