Download WordPress Themes, Happy Birthday Wishes

Editoriais

Quem manda no país

O ex-diretor do Banco Central e sócio fundador da gestora de investimentos Mauá Capital, Luiz Fernando Figueiredo, respondeu a uma pergunta da Folha (Folha de São Paulo, 23/10/18): “Haddad distanciou-se do economista mais heterodoxo do PT e admite a necessidade de ajuste na Previdência. Esses acenos não convencem? É aquela ...

Leia Mais »

O reformismo e a revolução

Os governos e as derrotas eleitorais da “esquerda” As eleições na Suécia, realizadas no dia 9 de setembro, mostraram um recuo da socialdemocracia e um avanço da extrema direita. Se olharmos bem o mapa europeu, isso aconteceu em quase todos os países. Nos únicos lugares em que houve uma reação ...

Leia Mais »

A facada em Bolsonaro, o mercado e o terrorismo individual

Logo depois do atentado contra Bolsonaro, a Ibovespa (mercado de ações) subiu 1,76% e o dólar baixou 0,95%. Ou seja, os investidores consideraram a facada positiva para seus negócios. Segundo os analistas, essa avaliação seria motivada tanto para o cenário de manutenção da candidatura de Bolsonaro, fortalecendo-a, quanto também para ...

Leia Mais »

Se as coisas estão tão mal, por que ainda não houve uma revolução?

O mundo marcha de forma concreta e não há nada de surpreendente sobre o atraso no processo da revolução. Os capitalistas construíram poderosas defesas. Ganharam, para a proteção do capital, partidos políticos da esquerda e dirigentes sindicais “responsáveis”.  Sem falar de jornalistas, professores universitários, advogados, economistas, bispos e outros. E, ...

Leia Mais »

A visita de Jim “Cachorro Louco” Mattis

O secretário de Defesa dos EUA, Jim Mattis, apelidado pela imprensa de seu país de “mad dog” (cachorro louco) visitou a América do Sul na semana de 13 a 20 de agosto. Na sua visita ao Brasil, Mattis deixou claro a que veio: “Estamos procurando expandir parcerias onde seja mutuamente ...

Leia Mais »

As alianças eleitorais e os vices problemáticos

A maior parte das notícias sobre Bolsonaro nas eleições, na última semana, foram seus problemas em arrumar um vice. Quatro recusas, para ser vice do candidato que, sem Lula, lidera as pesquisas eleitorais. O candidato preferido da burguesia, Alckmim, não fica atrás. Assim que fechou uma aliança com o condomínio ...

Leia Mais »

Pela absolvição dos ativistas de 2013

No ano de 2013, o Brasil foi sacudido de cima a baixo por manifestações que começaram por causa do aumento dos preços de transporte, mas serviram para mostrar toda indignação e raiva das massas com a situação econômica e social do país. “Não é só pelos 20 centavos” se transformou ...

Leia Mais »

A marca das eleições no mundo e no Brasil

Os marxistas explicam que as eleições burguesas tendem a expressar de maneira deformada os sentimentos e os anseios das massas trabalhadoras. É um jogo dominado pela burguesia que segue suas regras. A classe trabalhadora se expressa aí em grande desvantagem. No entanto, mudanças de ânimo e surpresas têm protagonizado as ...

Leia Mais »