Contra o fechamento da fábrica Cruzaço, todo apoio aos trabalhadores

A Esquerda Marxista de Campinas e Região se solidariza com os trabalhadores da empresa Cruzaço Fundição e Mecânica Ltda, em Jarinu/SP, que estão vivenciando na pele as manobras patronais para fechar a fábrica e demitir todos os operários. Os patrões estão forjando uma falência, vendendo patrimônio etc. Nós estamos ao lado dos trabalhadores em defesa dos postos de trabalho. Como forma de luta em defesa dos empregos, consideramos que os operários tem todo o direito de ocupar a fábrica e, inclusive, retomar a produção. Assim agimos com o Movimento das Fábricas Ocupadas, que realizou uma série de ocupações de fábricas pelo Brasil na luta pela estatização sob controle operário de fábricas que caminhavam para o fechamento – assim como a Cruzaço -, incluindo a ocupação da Fábrica Flaskô, na cidade de Sumaré, a poucos quilômetros de Jarinu. Estamos vivenciando uma profunda crise econômica internacional, potencializada pela pandemia do coronavírus. A classe operária não pode pagar por esta crise dos capitalistas, com desemprego, rebaixamento de salários e retirada de direitos. A única saída é a luta contra este sistema que conduz toda a sociedade em direção à barbárie. Por isso, estamos com os operários da Cruzaço em defesa de seus postos de trabalho. Abaixo, publicamos uma carta de denúncia da situação divulgada pelos trabalhadores da empresa. Pedimos que seja amplamente compartilhada para reforçar o combate em defesa dos empregos e direitos.

A empresa Cruzaço Fundição e Mecânica LTDA, localizada na cidade de Jarinu, demitiu a gente, cerca de 300 trabalhadores e não pagou nossos direitos.

Graças a nossa denúncia e mobilização, a situação chegou no ouvido do Sindicato. O Sindicato foi até a empresa no dia 13/07/2020, e DESCOBRIU QUE A CRUZAÇO ESTÁ SUMINDO COM AS MÁQUINAS DE DENTRO DA EMPRESA, para não pagar as verbas trabalhistas.

Foi fotografado o lugar onde podemos ver que as máquinas simplesmente DESAPARECERAM!

NÃO PODEMOS FICAR PARADOS, A EMPRESA ESTÁ NOS ROUBANDO!

Diante disso, nós, trabalhadores, convocamos uma manifestação na frente da fábrica, no dia 23/07/2020 (quinta-feira), às 9h00 da manhã.

PEDIMOS O APOIO DE TODA A POPULAÇÃO E DA JUSTIÇA, PARA QUE POSSAMOS RECEBER NOSSOS DIREITOS. SOMOS PAIS DE FAMÍLIAS, TEMOS COLEGAS QUE TRABALHARAM 30 ANOS PARA A EMPRESA E SAÍRAM SEM RECEBER NADA.

NOS AJUDEM!

Deixe Seu Comentário