Michel Goulart da Silva

michelsilva

Os trotskistas e a “revolução” de 1930

O Brasil que começou a ser pensado a partir da “revolução” de 1930 teria como marca, segundo aqueles mesmos “revolucionários”, a unidade em torno do Estado, devendo todos os cidadãos ser parte do projeto de nação então por eles proposto. Nesse sentido, o presidente Getúlio Vargas teria afirmado, em outubro …

Leia Mais »

Trotsky e a revolução permanente

Além de ser um dos principais dirigentes da Revolução Russa, Trotsky foi também quem apresentou a mais precisa avaliação sobre aquele processo político, sistematizado na teoria da revolução permanente. Essa teoria trata das compreensões expressas por Marx e Engels na análise da dinâmica da revolução de 1848, mostrando que aquele …

Leia Mais »

Florianópolis: a crise da frente de esquerda e os interesses dos trabalhadores

Na última semana veio a público uma divergência no debate sobre a constituição da frente de partidos de esquerda nas eleições municipais em Florianópolis. Essa frente inclui partidos como PCdoB, REDE, PDT, PSB e UP. Em nota pública, o PT denunciou que teria sido acordado que a futura chapa a …

Leia Mais »

O avanço do vírus nos Estados Unidos

No dia 16 de julho, a quantidade de infecções diárias pelo novo coronavírus atingiu mais um recorde nos Estados Unidos, com mais de 77 mil casos notificados em 24 horas. O pico anterior havia ocorrido na semana que antecede este recorde, com 66.600 casos em apenas um dia. Nos Estados …

Leia Mais »

A burguesia, a classe média e a morte rubra

Desde o início da pandemia do coronavírus, que mata diariamente milhares de pessoas em todo o mundo, para a burguesia não importam as vidas perdidas pela classe trabalhadora, desde que consiga manter seus lucros. Neste mesmo contexto, para uma parcela das classes médias o isolamento social parece ter se tornado …

Leia Mais »

A ditadura, os trabalhadores e a necessidade da frente única

Uma das questões mais urgentes para a esquerda na atual conjuntura passa pela frente única, construindo a unidade entre as organizações dos trabalhadores para lutar contra os ataques a direitos e derrubar o governo Bolsonaro. Contudo, essa necessária ação sempre esbarra nos equívocos das organizações que se dizem de esquerda, …

Leia Mais »

IFSC: da intervenção à censura

No dia 24 de junho o coordenador da seção sindical do Sinasefe1 no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), Odemir Vieira, recebeu comunicado de denúncia contra ele feita na Polícia Federal pelo reitor temporário da instituição, o professor André Dala Possa. O interventor de Bolsonaro no IFSC, numa clara ação …

Leia Mais »

O golpe de 1964 e as heranças do reformismo

Há alguns anos que a política da esquerda reformista tem tomado como base a defesa da democracia, priorizando a luta dentro das instituições pela manutenção do regime burguês construído na Nova República. Enquanto a maior parte dos trabalhadores rejeita essa democracia, a esquerda reformista se dispõe a salvar a qualquer …

Leia Mais »

Bolsonaro e o fantasma do golpe de 1964

O tensionamento provocado pelo avanço da crise do governo Bolsonaro colocou novamente no debate político a ideia de um possível golpe. Bolsonaro, cada vez mais acuado pelas fissuras em seu governo e pelas tensões com o Judiciário e mesmo com o Legislativo, estaria colocando no horizonte a possibilidade de um …

Leia Mais »

Marx e a Comuna de Paris

Passados quase 150 anos, a experiência da Comuna de Paris continua a reverberar nos debates da esquerda. Em 1871, Marx afirmou que “essa foi a primeira revolução em que a classe trabalhadora foi abertamente reconhecida como única classe capaz de iniciativa social”. Essa passagem encontra-se em Guerra civil na França, …

Leia Mais »