Fred Weston

Fred Weston

Por que Israel retardou o seu ataque a Rafah?

O prazo de 10 de Março para o ataque a Rafah já passou e o ataque ainda não aconteceu. Será que Netanyahu está tendo dúvidas? A resposta para isso é claramente não. O governo israelense está manobrando sob pressão externa, em particular da administração dos EUA, ao mesmo tempo em que se encontra internamente dividido. A pressão dos EUA se deve a preocupações humanitárias por parte de Biden? A resposta, novamente, é não. Os EUA continuam a apoiar Israel no seu ataque genocida ao povo palestino, como testemunha o aumento da sua ajuda militar. Então, por que a demora no ataque?

Leia Mais »

O estrangulamento econômico do povo palestino

Embora todos os principais líderes das potências imperialistas, de Biden a Scholz e Macron, entre muitos outros, tenham derramado lágrimas de crocodilo sobre o “excessivo número de mortes civis” em Gaza, na prática, todos eles estão colaborando com o governo israelense.

Leia Mais »

A ofensiva contra Rafah: a faísca que poderia incendiar o Oriente Médio

Netanyahu está levando sua guerra a um outro nível. Ele está em uma posição na qual sabe que não pode recuar se quiser permanecer no cargo. E, no entanto, as suas ações ameaçam desestabilizar todo o Oriente Médio, com o risco real de generalizar a guerra. A revolução também está espreitando todos os regimes da região à medida que a ira das massas é levada a níveis cada vez maiores. O próximo ato trágico, o bombardeamento massivo e a invasão terrestre de Rafah, poderá revelar-se o ponto de virada.

Leia Mais »

Palestina: a ameaça de uma segunda Nakba

O bombardeio brutal da Cidade de Gaza, com um enorme número de mortos – bem mais dos 11 mil oficialmente registrados até agora, com mais 3 mil desaparecidos – e a destruição maciça de infraestruturas, o bombardeio de hospitais, escolas, campos de refugiados, o ataque a ambulâncias e ao pessoal de serviços médicos, tudo isso realça a barbárie do ataque do exército israelense ao povo palestino.

Leia Mais »

Gaza: começa a ofensiva terrestre – mas e depois?

O exército israelense, depois de muitas evasivas, finalmente iniciou operações terrestres em Gaza no fim de semana (28/10). Mas não foi uma invasão em grande escala. Os líderes militares israelenses estão plenamente conscientes do grande risco para os seus próprios soldados se iniciarem combates rua a rua com tropas no terreno. Também têm receio de dar ao Hezbollah a desculpa que necessita para ampliar o conflito, abrindo uma segunda frente na fronteira norte com o Líbano. Então, para o que estão Netanyahu e os seus generais se preparando?

Leia Mais »

A classe trabalhadora desapareceu? Fato e ficção

Quando me levanto de manhã, calço os sapatos e amarro os cadarços, muitas vezes me pergunto: “quem fez esses sapatos?”. Da mesma forma, quando me sento à mesa para tomar o café da manhã, me pergunto: “quem fez a mesa e quem trabalhou na fazenda que produziu a aveia do meu mingau?”. Quando vou fazer meu check-up anual no consultório médico local, me pergunto: “a que classe pertence a enfermeira?”. Você pode estar se perguntando por que me faço essas perguntas. Bem, é porque somos constantemente bombardeados pela ideia, aparentemente desafiando a minha experiência, de que a classe trabalhadora já não existe mais; que foi dissolvida e que agora somos todos, em sua maioria, de “classe média”.

Leia Mais »

Eleições italianas: por que a direita venceu e o que ela prepara?

Dia 25, o que é descrito como o governo “mais direitista” desde a Segunda Guerra Mundial foi eleito na Itália, com Fratelli d’Italia [Irmãos da Itália], liderados por Giorgia Meloni, surgindo como o primeiro partido, com 26% dos votos válidos. Como explicar esse aumento de votos para um partido que …

Leia Mais »

O que revelam os resultados das eleições presidenciais na França?

Os resultados desta corrida de dois cavalos, de fato, escondem a real situação no terreno. O real equilíbrio de forças na França foi expresso durante o primeiro turno, e vale a pena olhar para esses resultados a fim de trazer à tona o que realmente está acontecendo na França.

Leia Mais »

Mianmar: por um levante de trabalhadores armados para derrubar a junta militar

Uma revolução está ocorrendo em Mianmar. As massas estão mostrando uma coragem imensa diante da violência brutal da junta militar. Trabalhadores e jovens se preparam para se defender e se aliar às organizações de grupos étnicos oprimidos. Um levante operário armado e uma greve geral total e contínua devem ser …

Leia Mais »

A resiliência das massas de Mianmar em face de uma repressão sangrenta

As massas de Mianmar continuam resistindo à junta militar, apesar das prisões em massa e de dezenas de pessoas mortas nas ruas. Faz mais de um mês desde que os militares assumiram e a junta ainda não conseguiu restaurar qualquer aparência de estabilidade. Pelo contrário, as tensões de classe estão …

Leia Mais »