Coletivo Educadores pelo Socialismo

Governo Bruno Covas: entre lives de pseudo-escuta e a aprovação inconsequente do PL 452/20

No decorrer do mês de julho foram realizadas diariamente as lives propostas pela Secretaria Municipal de Educação com o secretário Bruno Caetano (PSDB), juntamente com educadores, estudantes e familiares das 13 diretorias de ensino da cidade de São Paulo. As discussões ocorreram com a justificativa de promover uma escuta da …

Leia Mais »

Devemos voltar às aulas em Caieiras?

Como boa parte dos professores e das famílias já estão sabendo, o governador do estado de São Paulo, João Doria (PSDB), declarou o retorno às aulas a partir do dia 8 de setembro. A prefeitura de Caieras segue o calendário e as determinações estaduais, iniciando as atividades para planejar o …

Leia Mais »

Não ao retorno às escolas até o fim da pandemia!

Os governos de todas as esferas – federal, estadual e municipal – se mostram incapazes de combater a pandemia do novo coronavírus: não fizeram o isolamento absoluto como recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), não fizeram testagem em massa da população, o mísero auxílio emergencial não foi capaz de …

Leia Mais »

Comida estragada é entregue em escolas municipais de São Paulo

É preciso organizar a luta pelo FORA COVAS! No dia 22 de junho de 2020, recebemos a denúncia, de trabalhadores da educação municipal de São Paulo, de que linguiças calabresas mofadas foram entregues nas unidades escolares e estavam  prestes a serem distribuídas para estudantes junto com um kit de cestas …

Leia Mais »

Sinpeem: ativo na imposição da farsa eleitoral e nulo em defesa da categoria

A eleição do Sindicato dos Profissionais em Educação no Ensino Municipal de São Paulo (Sinpeem) aconteceu no dia 22 de maio com a participação pífia de 5.922 votos na Chapa 1 – Compromisso e Luta; 562 votos na Chapa 3 – Educadores em Luta/PCO e 60 votos brancos. É vergonhoso …

Leia Mais »

O EAD de Bruno Covas: da fantasia à realidade 

Em um contexto caótico de pandemia, os governos de Doria e Bruno Covas, ambos do PSDB, seguem com os ataques e perspectivas de privatizarem e destruírem a educação pública, entregando-a  para empresas multinacionais, como a Microsoft e a  Google – que, por sua vez,  é a responsável pela implementação de …

Leia Mais »

Professores categoria “O” de SP na pandemia: sem aula, sem auxílio, sem renda

Em meio à crise social, econômica e sanitária evidenciada pela pandemia da Covid-19, pouco se discute sobre a situação dos professores temporários (contratados) da rede pública de ensino do estado de São Paulo, agravada ainda pelos ataques à educação pública, como a adesão ao Ensino a Distância (EAD). Segundo o …

Leia Mais »

Teletrabalho e EAD em SP: sobre “direitos e deveres” dos professores e estudantes

Devido à pandemia que tornou necessária a quarentena, após o confisco de nossas férias e recessos, a Secretaria de Estado da Educação de São Paulo (Seduc) iniciou seu desenvolvimento de propostas para efetivação do teletrabalho (realização de trabalhos via atividade remota do professor em sua residência) e do Ensino a …

Leia Mais »

Ensino a Distância na rede estadual de SP: entre as mentiras e o aumento da exclusão social

A partir da declarada pandemia e a posterior quarentena no estado de São Paulo, como sabemos as aulas presenciais foram interrompidas. O governo Dória, que já vinha desenvolvendo projetos privatizantes com o Instituto Ayrton Senna, Google dentre outros, não perdeu tempo e lançou o Centro de Mídia da Educação de …

Leia Mais »

Em defesa da democracia operária! Pelo boicote e anulação da eleição do Sinpeem

Nós, do Coletivo Educadores pelo Socialismo, não inscrevemos chapa para eleição do Sindicato dos Profissionais em Educação no Ensino Municipal de São Paulo (Sinpeem), reiteramos nossa posição defendendo a democracia operária e reivindicamos o pleno direito de participação, debate e discussão entre os profissionais de educação. Não aceitamos o processo …

Leia Mais »