Mundo

Equador: uma onda de violência sem precedentes

Nesta terça-feira, 9 de janeiro, vimos nos noticiários de todo o mundo um cenário de violência sem precedentes, no Equador, principalmente em Guayaquil, mas também na capital Quito. Neste domingo, 7 de janeiro, Fito Macías, líder de uma facção criminosa chamada Os Choros, fugiu da prisão de Guayas. Foi o …

Leia Mais »

COP28: a classe dominante zomba da crise climática

A COP28 esteve repleta de ironias desde o primeiro dia, tendo sido realizada nos Emirados Árabes Unidos, uma importante economia de petróleo e gás; e liderada pelo Sultão Al Jaber, que é o presidente-executivo da empresa petrolífera nacional Adnoc. "Isso é uma piada?", você pode perguntar perplexo, através do ar cada vez mais contaminado. Longe de ser motivo de piadas, esta é a melhor oferta da classe dominante quando se trata de “combater as alterações climáticas”.

Leia Mais »

Agudiza a miséria e a crise social na Argentina – Lançar as bases para um Congresso Operário, para uma Greve Geral e por um governo dos Trabalhadores

Passaram-se apenas alguns dias desde a posse do novíssimo presidente Javier Milei e já começou a despertar preocupação e repúdio em amplos setores das massas – incluindo alguns setores que o elegeram – devido às medidas que seu governo anunciou até o dia de hoje.

Leia Mais »

Rússia: Boris Kagarlitsky está livre!

Boris Kagarlitsky, um dos sociólogos de esquerda mais relevantes da Rússia, foi libertado em 12 de dezembro, após quatro meses e meio de prisão. Foi multado em 600 mil rublos (cerca de 6 mil euros) e enfrenta restrições de acesso à Internet durante dois anos, para evitar mais penas de prisão. Uma campanha global por sua libertação, na qual os camaradas da CMI estiveram envolvidos de forma proeminente, foi um dos fatores desta vitória.

Leia Mais »

5ª Escola Marxista Panamericana da CMI: reivindicamos a bandeira do comunismo revolucionário!

De 30 de novembro a 3 de dezembro de 2023, 110 camaradas da Corrente Marxista Internacional (CMI) reuniram-se na Cidade do México. Os países representados foram Brasil, Peru, Venezuela, Colômbia, El Salvador, Bolívia, Argentina, Chile, Cuba, EUA, Canadá e México (com camaradas de Monterrey, Sonora, San Luis Potosí, Oaxaca, Querétaro, Yucatan, Veracruz, Puebla, Estado do México e Cidade do México); bem como representantes da liderança internacional da CMI e convidados da Suíça, Suécia e Itália.

Leia Mais »

Conflito Venezuela-Guiana: por uma posição internacionalista!

No dia 3 de dezembro, foi realizado na Venezuela um referendo público consultivo, convocado pela Assembleia Nacional, sobre a disputa territorial da região de Essequibo, na Guiana. A escalada do conflito nesta região tem implicações profundamente reacionárias para ambos os povos. É imperativo que os comunistas adotem uma posição internacionalista.

Leia Mais »

Revolta Mau Mau no Quênia: quando o imperialismo britânico conduziu uma guerra colonial de terror em “autodefesa”

Em todo o mundo ocidental autoproclamado “civilizado”, as classes dominantes uniram-se para denunciar o ataque do Hamas a Israel em 7 de Outubro e em torno do “direito à autodefesa” de Israel enquanto este bombardeia Gaza até as fundações. Mas esta não é a primeira vez que nos dizem para …

Leia Mais »

Palestina: a ameaça de uma segunda Nakba

O bombardeio brutal da Cidade de Gaza, com um enorme número de mortos – bem mais dos 11 mil oficialmente registrados até agora, com mais 3 mil desaparecidos – e a destruição maciça de infraestruturas, o bombardeio de hospitais, escolas, campos de refugiados, o ataque a ambulâncias e ao pessoal de serviços médicos, tudo isso realça a barbárie do ataque do exército israelense ao povo palestino.

Leia Mais »

Argentina: vitória do candidato de extrema direita, Milei, revela crise do regime burguês

O candidato "libertário" de extrema direita, Javier Milei, venceu o segundo turno das eleições presidenciais na Argentina com quase 56% dos votos, derrotando o candidato peronista Massa (que obteve 44%), ministro das Finanças cessante do país que renovou um acordo com o FMI e prometeu um governo de unidade nacional.

Leia Mais »