Mundo

Canadá: aplaudir de pé um nazista no Parlamento não foi apenas um erro

O Parlamento do Canadá cometeu a gafe de relações públicas do século ao convidar um conhecido colaborador nazista à Câmara dos Comuns e ao aplaudi-lo de pé. Embora certamente tenha sido um erro embaraçoso, foi mais do que um erro isolado. O incidente coloca toda a atenção sobre o padrão do imperialismo canadense de encobrir os fascistas ucranianos; e na completa estupidez da classe dominante, cega pelo frenesi da guerra contra a Rússia.

Leia Mais »

O Ocidente enfrenta a humilhação na Ucrânia

Se a reunião das principais economias do Grupo dos 20 (G20) na Índia pretendia ser uma demonstração de unidade contra a Rússia, conseguiu produzir precisamente o resultado oposto. A declaração final do grupo, que se recusou explicitamente a condenar Moscou, provocou imediatamente uma onda de fúria em Kiev e expôs as flagrantes contradições na autoproclamada coligação contra a Rússia.

Leia Mais »

A greve “Stand-Up” nos EUA levará os trabalhadores da indústria automobilística à vitória?

Em recente artigo nosso sobre a batalha contratual do United Auto Workers (UAW), dissemos que este seria um grande teste para Shawn Fain e para a nova direção do UAW. Explicamos que a questão chave seria se os novos dirigentes do UAW tentariam conduzir uma luta dentro dos limites do que é aceitável para o sistema capitalista, ou se desafiariam o próprio sistema que exige salários e condições precárias. A greve de Flint, Sit-Down, de 1936-37 ,e outras ocupações de fábricas de luta de classes lançaram o desafio aos patrões: quem realmente dirige a fábrica – os trabalhadores ou os proprietários?

Leia Mais »

Por que os comunistas vendem jornais?

Meta, a gigante da mídia social proprietária do Facebook e do Instagram, começou a bloquear todas as notícias de suas plataformas no Canadá em agosto. A proibição das notícias seguiu-se à aprovação pelo governo federal do Projeto de Lei C-18, a Lei das Notícias Online, que exigia que as big tech pagassem aos meios de comunicação pelo conteúdo que utilizam ou reaproveitam nas suas plataformas. O Google também planejou começar a bloquear as notícias no Canadá até o final do ano, quando o Projeto de Lei C-18 entrar em vigor. Para os comunistas, a proibição de notícias em plataformas pertencentes a bilionários sublinha a necessidade de uma imprensa operária independente através da produção e distribuição de um jornal físico.

Leia Mais »

Javier Milei: o falso e oportunista profeta do grande capital

O resultado de Javier Milei nas Primárias Abertas Simultâneas e Obrigatórias (Paso) de 13 de agosto de 2023, obtendo 29,86% dos votos, surpreendeu o conjunto do establishment parlamentar político da Argentina. Mesmo que nas eleições provinciais os candidatos apoiados por Milei somente obtiveram resultados parcos e modestos, alcançando os terceiros ou quartos lugares, o candidato a presidente superou todos os demais presidenciáveis, tanto do peronismo como da direita.

Leia Mais »

EUA: o United Auto Workers e a luta por um novo contrato de trabalho

Os trabalhadores do setor automotivo dos Estados Unidos toleraram décadas de erosão dos salários e de deterioração das condições de trabalho, enquanto as três grandes empresas automobilísticas – General Motors, Ford e Stellantis – aumentavam os seus lucros. Mas estes trabalhadores agora estão dizendo “basta!”. Como resultado, 150 mil trabalhadores sindicalizados do setor automotivo estão se preparando para uma greve, à medida que o seus contratos com aquelas empresas se aproxima da data de expiração em 14 de Setembro.

Leia Mais »

O mundo em 2023: crise, guerra e revolução

O seguinte documento foi aprovado no Congresso Mundial da Corrente Marxista Internacional (CMI) de 2023 . Aqui, oferecemos a nossa perspectiva e análise das principais tendências que estão a moldar a política mundial e a luta de classes neste período dramático de agonia mortal do capitalismo.

Leia Mais »

Uruguai: além da seca, as causas da crise hídrica

As graves consequências das alterações climáticas têm sido sentidas em todo o mundo, com incidências mais extremas em alguns países do que em outros, sob a forma de incêndios florestais incontroláveis, inundações devastadoras e deslizamentos de terras ou fortes ondas de calor. Recentemente, o Uruguai também fez parte dessa lista cada vez mais longa de países atingidos por desastres climáticos. É verdade que a crise do abastecimento de água foi desencadeada, pelo menos em primeira instância, pela seca dos últimos três anos, que foi também a mais grave dos últimos 74 anos da história do país. Porém, como veremos a seguir, a crise foi lentamente preparada nas últimas décadas por políticas estatais permissivas às indústrias de celulose e ao capital que controla o agronegócio, os principais arquitetos da pilhagem dos recursos hídricos do país.

Leia Mais »

Quem matou Prigozhin?

Quando a notícia do falecimento de Yevgeny Prigozhin chegou ontem às manchetes, os habituais especialistas apareceram na imprensa com a vivacidade de um bando de abutres, ansiosos por recolher os ossos de um animal morto na savana africana. Fizeram as perguntas mais profundas e interessantes: Prigozhin estava ou não no avião? Ele estava vivo ou estava morto? A organização Wagner sobreviveria ou pereceria? Poderá este ser mais um ponto de virada na guerra na Ucrânia? Significará a queda iminente de Vladimir Putin? E assim por diante.

Leia Mais »

“Eles querem o mais radical que possam encontrar”: entrevista com Antonio Balmer, da Socialist Revolution

Em meio ao Congresso Mundial da Corrente Marxista Internacional, que aconteceu entre os dias 7 e 12 de agosto de 2023, na Itália, entrevistamos o camarada Antonio Balmer, da seção norte-americana da CMI, Socialist Revolution, sobre a situação política dos Estados Unidos. Nesta entrevista, ele fala sobre a entusiasmante greve que tem abalado Hollywood; sobre o crescimento expressivo da Socialist Revolution, principalmente entre a juventude, que se apresenta cada vez mais revoltada com o sistema capitalista; sobre o fenômeno de Trump e a incapacidade do partido de Wall Street atender aos anseios da classe trabalhadora.

Leia Mais »