Início / Artigos / Outras Análises | Ver Mais / Sindical / Terminou domingo o VII Congresso dos Vidreiros

Terminou domingo o VII Congresso dos Vidreiros

“duelo entre pobres a classe nobre aplaude…
 junção dos excluídos o inimigo foge”
A frase acima foi dita pelo companheiro Anderson, trabalhador vidreiro, de Nazaré Paulista, participante no VII Congresso dos Trabalhadores Vidreiros. Ela expressa o desejo e clima de unidade dos trabalhadores contra a burguesia que perpassou o vitorioso e combativo Congresso.
O VII Congresso dos trabalhadores vidreiros encerrou-se, ontem, domingo, na Praia Grande, na Colônia de Férias do Sindicato dos Trabalhadores Vidreiros no Estado de São Paulo, com todos os delegados de pé, cantando o hino da Internacional.
Um exemplo de luta e de realização da unidade entre as três principais forças que dirigem o sindicato, o VII Congresso, com mais de 150 delegados e delegadas aprovou unitariamente uma Tese que tem pontos importantes, tais como: contra as Comissões Tripartites e Câmaras Setoriais; luta antiimperialista e pelo socialismo; derrotar o PSDB pela construção de um governo socialista dos trabalhadores; apoio ao povo do Haiti: pelas retirada das tropas da ONU, que Dilma mande as tropas brasileiras de volta para o Brasil; nenhuma intervenção imperialista na Líbia; defesa do parque fabril vidreiro e dos empregos na região de Ferraz de Vasconcelos.
O Congresso aprovou também um Plano de Ação que tem em seu centro a luta pela antecipação da data base e reafirma a defesa da CUT enquanto uma central independente e que lute pelas reivindicações e pelo Socialismo.
Nesta semana divulgaremos as resoluções aprovadas com a fotos do Congresso! Aguardem!
Parabéns aos trabalhadores vidreiros e à direção do Sindicato!

Deixe seu comentário

Leia também...

Contribuição ao programa da chapa única de oposição do SATED/SP

As eleições do SATED/SP (Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculo de Diversão do Estado …