Início / Luta de Classes / Repúdio ao ataque de direita contra a sede do PT de Jundiaí

Repúdio ao ataque de direita contra a sede do PT de Jundiaí

A Esquerda Marxista vem a público manifestar seu repúdio ao ataque lançado contra a sede do Partido dos Trabalhadores na cidade de Jundiaí, interior do estado de São Paulo.

A Esquerda Marxista vem a público manifestar seu repúdio ao ataque lançado contra a sede do Partido dos Trabalhadores na cidade de Jundiaí, interior do estado de São Paulo.

Na tarde de domingo, dia 15 de março, foi lançado contra a sede do PT daquela cidade um coquetel molotov que incendiou parcialmente o local queimando documentos, móveis e outros objetos. As paredes externas da fachada e o muro lateral foram pichados com Fora PT.

Ações desse tipo, típicas da direita, devem ser repelidas pelo conjunto das organizações que lutam em defesa dos direitos dos trabalhadores e da juventude.

A Esquerda Marxista que tem alguns de nossos companheiros sendo processados e criminalizados pela justiça por eles lutarem em defesa das reivindicações dos trabalhadores, teve também sua sede atacada pela direita na cidade de Bauru; na cidade de São Paulo, sua sede foi ‘visitada’ pelo serviço reservado da PM.

Sabemos que aquilo que o aparato repressivo do estado não consegue, ou não quer fazer, em momentos de crise, é feito por bandos ou indivíduos de direita. Na semana passada João Pedro Stédile, dirigente do MST foi ameaçado de morte por meio de anuncio na internet.

A aliança do PT com partidos da burguesia e a aplicação dos planos de austeridade contra o povo, são os principais fatores que fazem com que muitos tenham adquirido um profundo ódio contra o partido e o governo Dilma. No entanto sabemos que agentes infiltrados, provocadores de direita agem para buscar acuar e amedrontar os que lutam. Nossa unidade na luta pelas reivindicações, contra os ataques aos direitos, é a principal arma para combater a direita.

Nós que nos recusamos a aceitar a via da colaboração de classes do PT com a burguesia, nós que repudiamos e lutamos contra os ataques do governo contra a classe trabalhadora, não podemos deixar de repelir as ações da direita que atentam contra a liberdade de organização, contra as liberdades democráticas, não podemos deixar de denunciar este ataque à sede do PT de Jundiaí.

Deixe seu comentário

Leia também...

Campinas na luta contra o Escola Sem Partido e a Lei da Mordaça!

A Associação dos Professores da Puc-Campinas (Apropucc) emitiu nota esta semana repudiando o projeto de …