Início / Artigos / Outras Análises | Ver Mais / Geral / O que fazer depois da “greve geral” de 30 de junho?

O que fazer depois da “greve geral” de 30 de junho?

A Esquerda Marxista esteve nas ruas dia 30 de junho, mas o que era para ser uma greve geral foi estrangulada pelas direções das centrais sindicais e pelos dirigentes reformistas. Ao invés da luta determinada para derrotar as reformas antipovo, preferiram negociar seus interesses com parlamentares e o governo, tais como a permanência ou alternativas ao imposto sindical.

Confira nosso editorial sobre o assunto.

Deixe seu comentário

Leia também...

A Catalunha na encruzilhada espanhola e o “Movimento Sul É o Meu País”: distinções e tarefas

Dia 1º de outubro de 2017, bem mais de dois milhões de habitantes da Comunidade …