Início / Luta de Classes / Neto do revolucionário Leon Trotsky falou para mais de 200 pessoas em SC

Neto do revolucionário Leon Trotsky falou para mais de 200 pessoas em SC

Na Conferência Sul – primeira de uma série de 3 conferências públicas pelo Brasil –, Esteban Volkov, o neto de Trotsky, falou para mais de 200 pessoas. Nesta Segunda, 06/06 será em SP, no Tuca, e a Conferência Nordeste será em Recife na Quarta, na UFPE.


Na noite da sexta-feira (03/06), o neto do revolucionário russo Leon Trotsky, Esteban Volkov, realizou conferência sobre as ideias e a vida de seu avô em Santa Catarina. Mais de 200 pessoas, entre acadêmicos, professores, servidores públicos e militantes, vindos de várias partes do estado de Santa Catarina e delegações vindas do Paraná e Rio Grande do Sul, participaram da atividade, lotando o auditório do Bom Jesus/Ielusc em Joinville – pólo industrial do estado.

A atividade foi organizada pela Livraria Marxista, com apoio de diversas entidades, como o do mandato do vereador petista Adilson Mariano, da União Joinvilense dos Estudantes Secundaristas (UJES), do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Joinville (Sinsej) – que dirige uma greve de servidores que já dura quase 1 mês –, do Centro Acadêmico de Direito da Univille (CADU) e do Curso de Jornalismo do Bom Jesus/Ielusc.

Ao iniciar a conferência, Volkov relatou o dia do assassinato de seu avô, cometido por Ramón Mercader, um agente stalinista. “No dia da morte de Trotsky eu cheguei da escola e observei uma movimentação distinta da calmaria que costumava haver na casa”, contou.

Segundo ele, Ramón Mercader ceifou um dos maiores cérebros do pensamento marxista revolucionário. Para Volkov, a morte de Trotsky não significou a morte de suas ideias, pois elas conservaram força e atualidade. “Trotsky nos deixou obras importantes como a Revolução Traída e a Revolução Permanente”, explicou.

Ao encerrar a conferência, Volkov agradeceu a presença de todos e a possibilidade de contar a verdade sobre as ideias de seu avô. “Essa é minha missão, explicar que o socialismo não tem nada a ver com a caricatura sangrenta do stalinismo”, declarou.

***

A convite da Editora e Livraria Marxista e com o apoio de diversas entidades do movimento operário brasileiro, Esteban Volkov, aos 85 anos de idade, estará no Brasil no início de Junho de 2011 para ministrar conferências públicas sobre a atualidade da obra e a vida de seu avô, Leon Trotsky.

Infelizmente, a idade avançada de Esteban acaba limitando o número de conferências públicas e, portanto, realizará apenas 3 conferências: uma no nordeste, uma no sudeste e uma no sul:

03/06 – SANTA CATARINA
Auditório do IELUSC em Joinville – SC, às 19:30.

06/06 – SÃO PAULO
TUCA em São Paulo, às 19:30.
Esta terá transmissão ao vivo pela internet aqui: bambuser.com/channel/esquerdamarxista

08/06 – PERNAMBUCO
UFPE em Recife, às 19:00.

Nessas conferências será lançado no Brasil o documentário inédito de Adolfo Garcia Videla – e produzido pelo Museu Casa de Leon Trotsky (coordenado por Esteban Volkov): “Trotsky & México: Duas revoluções do Século XX”.

Além disso, Esteban também deverá participar da abertura do Encontro de 8 anos de aniversário da ocupação da Flaskô (fábrica ocupada pelos trabalhadores) em Sumaré (região de Campinas – SP). Este será no dia 10/06 e mais informações podem ser obtidas no site da Flaskô.

A entrada nas atividades será gratuita e não é necessário inscrição, entretanto recomendamos chegar com antecedência para garantir lugar sentado.

Ajude a divulgar e participe!

Deixe seu comentário

Leia também...

Escola Mundial da CMI: Celebrando o legado de 1917

Mais de 300 revolucionários de 20 diferentes países reuniram-se na Itália na última semana de …

Deixe uma resposta