Início / Sem Categoria / Morre professora em Juiz de Fora, vítima da intransigência da prefeitura

Morre professora em Juiz de Fora, vítima da intransigência da prefeitura

Companheiros(as),
É com pesar que comunicamos o falecimento da companheira Dilamar Carvalho, vítima do autoritarismo e instransigência da Administração tucana Custódio Mattos, em Juiz de Fora.
É muito difícil para nós narrarmos o fato, mas a verdade é que em Juiz de Fora, o servidor municipal, principalmente os professores, são obrigados a trabalhar doentes devido a um decreto que impede aos servidores de apresentarem atestados médicos que não sejam do SUS ou do PAS.
Abaixo está uma proposta de moção a ser enviada para os endereços mencionados.
Saudações CUTistas,

Péricles de Lima
CUT REGIONAL ZONA DA MATA/MG


Nós lamentamos o falecimento da companheira Professora Dilamar Carvalho dos Santos, vítima da intransigência da Administração Custódio Mattos, que por reiteradas vezes se recusou a retirar o decreto que não permitia atestados médicos que não fossem do SUS ou do PAS.

Para nós, o direito ao acesso a saúde é fundamental e constitucional. Se existia alguma dúvida sobre os atestados médicos apresentados pelos servidores, a prefeitura deveria fazer um trabalho de pesquisa para saber a verdade sobre o que acontece com seus funcionários e não forçá-los a humilhações e a trabalharem doentes.

Por isso, repudiamos a atitude da Administração Custódio Mattos, que levou ao falecimento de nossa companheira Dilamar Carvalho.

Exigimos a manifestação do Ministério Público que já havia sido comunicado por escrito sobre o que estava acontecendo na Prefeitura de Juiz de Fora.

Exigimos a manifestação do Ministério da Educação, uma vez que a companheira em questão era professora e é exatamente essa categoria que mais tem tido problemas de saúde na prefeitura de Juiz de Fora e, portanto, a que mais tem sofrido constrangimentos.

Exigimos que as responsabilidades sejam apuradas pelas autoridades competentes e que os responsáveis por tais abusos e pela morte da companheira Dilamar Carvalho sejam punidos na forma da Lei.


Assinado por nome próprio ou da entidade.


Favor enviar para:

Deixe seu comentário

Leia também...

Eleições no Chile: A “Frente Ampla” se apresenta no primeiro turno das eleições presidenciais.

Escrito por Carlos Hernán As eleições do dia 19 de novembro no Chile mostraram uma …

Um comentário

  1. gente esses politicos tem que acabar pois nada faz por nos eles se preoculpa com familia deles mas nos cidadaos que morra como aconteceu com esta humilde professora entre outras nem sei porque os juizforanos colocaram este prefeito novamente na prefeitura pois ja sabia do carater dele mas os brasileiros sao idiotas mesmo espero que deus tome conta de nos pois se depender desses corrupitos morreremos a mingua ,